CAU e IAB divulgam carta aberta a candidatos às Eleições 2018

"A Carta Aberta aos Candidatos nas Eleições de 2018 pelo Direito à Cidade" é resultado de seminário promovido pelo CAU/BR e o IAB no início de julho, em São Paulo

Foto: Divulgação / CAU/SP

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) e o Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) publicaram nesta quarta-feira, 25 de julho, a “Carta Aberta aos Candidatos nas Eleições de 2018 pelo Direito à Cidade”, resultado do Seminário Nacional de Política Urbana: por cidades humanas, justas e sustentáveis, realizado pelas entidades nos dias 3 e 4 de julho, na sede do IAB/SP.

Contando com nomes como Paulo Mendes da Rocha, Ermínia Maricato, Demetre Anastassakis, Bete França, Cândido Malta Campos, Gilson Paranhos e Raquel Rolnik, o evento tratou de temas fundamentais no que diz respeito às cidades, como mobilidade, habitação social, territórios metropolitanos e centros históricos. 

O documento elaborado apresenta propostas para “Um Planejamento Urbano Solidário e Inclusivo”, que estaria baseado em um plano nacional de desenvolvimento social e econômico que atrelasse a ocupação do território nacional à economia, combinado com a descentralização das definições das políticas regionais e locais e uma maior participação popular nas discussões quem afetam a vida urbana.

Segundo o CAU/BR, o Brasil tem competência técnica para tratar dos problemas urbanos e não faltam planos ou leis para tanto. Porém, é necessário executá-los, e isso exige um posicionamento político para colocar em prática uma reforma urbana baseada na função social da cidade prevista na Constituição de 1988 e regulamentada pelo Estatuto da Cidade.

Elaborada na 80ª Reunião Plenária Ordinária do CAU/BR, em 20 de julho de 2018, a redação final do documento estabeleceu 53 propostas, divididas em três eixos:

1- Projeto nacional baseado na territorialização das políticas públicas

2- Governança urbana inovadora

3- Democratização da gestão dos territórios

As entidades acreditam que o texto também contribuirá para o cumprimento das metas estabelecidas na Agenda 2030 para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), principalmente a que se refere a tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.

Agora, CAU/BR e IAB devem iniciar o contato com os candidatos às Eleições 2018 para obter suas opiniões a respeito das propostas, além de promover a ampla divulgação da carta por meio da mídia, entidades ligadas aos temas urbanos, formadores de opinião, entre outros.

Leia na íntegra a Carta Aberta aos Candidatos nas Eleições de 2018 pelo Direito à Cidade.

Confira os debates do Seminário Nacional de Política Urbana: por cidades humanas, justas e sustentáveis



Publicada originalmente em ARCOweb em 25 de Julho de 2018
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora