Premiação

Top Marcas 2015

Em sua oitava edição, o Top Marcas traça um panorama das marcas mais lembradas pelos leitores das revistas PROJETOdesign e FINESTRA e do portal ARCOweb, agrupadas em 18 categorias dos setores de arquitetura e construção - são três a mais do que na rodada anterior do evento. A escolha foi feita entre 3 de novembro a 12 de dezembro de 2014 pela internet, com 3.505 votos provenientes de todo o Brasil. As três marcas mais lembradas no pelo público no cômputo geral recebem a distinção adicional Top Master.

A quantidade de categorias do Top Marcas passou de de 24, em 2011, para 15, em 2013, e em 2015 aumentou para 18. Entre as três categorias agora presentes, a de revestimentos termoacústicos esteve nas primeiras edições do prêmio e volta após recuperar a representatividade quantitativa junto ao público eleitor. Já as duas novas - acessibilidade e arquitetura sustentável - têm o objetivo de analisar o comportamento dos fabricantes em relação a temas tão pertinentes para a contemporaneidade. “Isso acompanha a necessidade do mercado, pois são assuntos em voga para o projetista”, analisa Fernando Mungioli, publisher das revistas PROJETOdesign e FINESTRA e do portal ARCOweb.

Confira as fotos da premiação

Acessibilidade, assim, não apenas engloba segmentos que concorriam em categorias suprimidas em edições passadas - elevadores e escadas rolantes, por exemplo -, mas inclui empresas de setores como pisos táteis, acessos para deficientes, planejamento específico e outras, numa ampliação do leque de possibilidades. O mesmo é válido para arquitetura sustentável, em que podem aparecer marcas de certificações, selos ou produtos voltados à sustentabilidade, além de itens específicos, como telhados verdes. O resultado da votação, contudo, revela que ainda não há consolidação nessas duas categorias: 59,9% e 66,9% dos votantes, respectivamente em acessibilidade e arquitetura sustentável, declararam não lembrar de nenhuma marca ou votaram em branco.

Por outro lado, Mungioli analisa que esta edição do Top Marcas foi a mais dinâmica em termos do surgimento de novas marcas entre o público votante. Isso pode ser explicado, em parte, pela desclassificação de marcas que, apesar de muito citadas, não existem mais, abrindo-se espaço para a inclusão de outras. “Elas foram substituídas por novas marcas, que se consolidaram no mercado”, ele comenta. Um exemplo é a já inexistente Giroflex. Os 3.505 votos computados no 8º Top Marcas se distribuem entre arquitetos (71%), estudantes de arquitetura (14,6%), designers de interiores (9,1%), designers (3,9%) e outros (1,4%). Inverteu-se a predominância do gênero dos eleitores em relação à edição passada, com a maioria feminina: 2.002 contra 1.503. A participação regional mais expressiva, tal como em versões anteriores, foi registrada no Sudeste (60,3%), seguido pelo Sul (21,8%), Nordeste (10%), Centro-Oeste (6,3%) e Norte (1,6%).

TOP MASTERS 2013: AS DEZ MARCAS MAIS VOTADAS
Entre as marcas mais votadas que compõem o ranking do Top Masters, a liderança segue ocupada pela Deca, vencedora também das últimas edições. Estável no histórico do evento, a empresa contabilizou 2.305 votos (65,7% do total de sua categoria). Na segunda posição, a também habitual ganhadora Portobello, do segmento de revestimentos cerâmicos, computou 33,4% dos votos, subindo cerca de oito pontos percentuais em relação à edição passada. A marca também aparece entre as dez mais lembradas na categoria pisos. E a Flexform conquistou o terceiro lugar - antes ocupado pela Giroflex -, após ter saído da décima posição há dois anos.

Outra mudança notável foi a saída da Guardian, que teve acentuada queda de citação pelo público no mercado do vidro, acompanhada pela ascensão das concorrentes Blindex Pilkington e Cebrace, em sexto e sétimo lugares, respectivamente. Esta edição contou ainda com a presença da Alberflex, pela primeira vez no Top Masters, assumindo duas posições, por sua votação nas categorias mobiliário de escritório e cadeiras.

A Philips, que em 2013 ficou de fora das dez marcas mais votadas por causa da fusão das categoriais lâmpadas e luminárias, pela iluminação, este ano retorna ao ranking.

Confira os vencedores por categoria do Prêmio Top Marcas, em ordem alfabética:

ACESSIBILIDADE

Andaluz, Montele e ThyssenKrupp

Esta nova categoria está fortemente associada a marcas de elevadores, como a Montele e a ThyssenKrupp, que somadas registraram 11,97% dos votos, além de Atlas Schindler e Daiken. Entre as três vencedoras, apenas a Andaluz conta com produtos específicos para acessibilidade e mobilidade. O número dos que declararam não se lembrar de marcas na categoria é de 2.100, índice elevado para um tema tão em voga entre os profissionais do setor.

ARQUITETURA SUSTENTÁVEL

Ecotelhado, GBC e Remaster

Entre as mais lembradas nesta nova categoria, figuram tanto empresas fabricantes de produtos para projetos sustentáveis, como a Ecotelhado e a Remaster - que, juntas, tiveram 320 votos -, quanto marcas associadas aos selos e certificações verdes, como o GBC (Green Building Council), responsável pela certificação Leed. Produtos voltados à energia solar e painéis fotovoltaicos, por exemplo, não foram contemplados. No total, 2.345 participantes não lembraram de nenhuma marca ou votaram em branco.

ARQUIVOS DESLIZANTES

Caviglia/Aceco, Huffix e Tecnoflex

Assim como na sétima edição do Top Marcas, Caviglia/Aceco e Huffix estão consolidadas entre as três marcas mais lembradas. A novidade fica por conta da Tecnoflex, que, substituindo a Artline - fora das seis mais lembradas deste ano -, agora aparece entre as três vencedoras. As marcas de arquivos deslizantes mais votadas representam 32,48% do total, enquanto 1.114 participantes declararam não lembrar de nenhum nome ou votaram em branco.

CADEIRAS


Alberflex, Flexform e Tecno

Houve mudança significativa nesta categoria por causa da desclassificação da Giroflex - que, embora não mais atuante, ainda teve cerca de 25% das menções do público. Com 14,5% dos votos, a Alberflex está agora entre as três mais lembradas, ao lado da Flexform, que computou 17,83% dos votos - ambas entre as dez marcas mais lembradas no ranking do Top Masters -, e da Tecno (antiga Tecnoseating), que passou a integrar a lista das vencedoras.

COBERTURAS

Brasilit, Eternit e Roll On

Na edição passada, Brasilit, Eternit, Dânica e Roll-on estavam entre as vencedoras, com empate entre duas das quatro marcas. Este ano, a Roll-on apresentou maior crescimento de votos, enquanto a Dânica caiu e figura apenas entre as seis mais lembradas. As vencedoras computaram 30,17% dos votos, enquanto 38,80% dos participantes declararam não lembrar ou votaram em branco. O índice elevado permite a consolidação de outras marcas no mercado.

CONTROLES E AUTOMAÇÃO

Bticino, Pial Legrand e Somfy

Vencedoras habituais, a Bticino e a Pial Legrand estão entre as três primeiras colocadas no ranking e, ao lado delas, a Somfy (com crescimento expressivo de votos desde a última edição da pesquisa) substituiu a Siemens. Somadas, as vencedoras registram 1.123 dos votos para controles e automação, embora ainda seja grande o percentual dos que não lembraram de nenhuma marca ou votaram em branco: 35,80%.

DIVISÓRIAS

Abatex, Design On e TC6

Dinâmica, a categoria divisórias aparece com crescimento expressivo de novas marcas, como a TC6, agora listada entre as três vencedoras. Abatex e Design On - esta última também entre os destaques do Top Masters deste ano - compõem as outras classificadas. A novidade na lista é a Arkflex, pela primeira vez mencionada entre as seis mais lembradas. O número de votos em branco ou que declararam não se lembrar de nenhuma marca caiu de 15,70% na edição anterior para 11,52% este ano.

FERRAGENS E COMPONENTES

Pado, Udinese e Yale La Fonte

Costumeiramente em destaque na pesquisa, a Papaiz perdeu espaço neste ano na categoria ferragens e componentes, deixando de figurar entre as vencedoras. Em seu lugar, entra a Udinese, outra empresa do grupo. Pado e Yale La Fonte, marcas consolidadas no mercado, completam o ranking das três mais lembradas. A Blum aparece este ano como nova marca entre as votadas. Houve um aumento expressivo no número de eleitores que não apontaram nenhuma marca: ele passou de 9,63%, em 2013, para 30,09% este ano.

FORROS

AMF, Armstrong e Hunter Douglas

Assim como na edição anterior, as mesmas seis marcas mantiveram-se entre as mais lembradas, variando apenas as posições. A Knauf, tradicional fabricante de forros drywall, deixou o ranking principal e teve a vaga ocupada por outra empresa do grupo, a AMF, especializada em forros minerais. A categoria surpreendeu ao apresentar grande aumento no índice de participantes que não lembraram de marcas ou não votaram, indo de 33,07%, em 2013, para 41,51% este ano.

ILUMINAÇÃO

Itaim, Lumini e Philips

Consolidada, a categoria iluminação (antes dividida em lâmpadas e luminárias) volta a contar com a participação da Philips, que assumiu a liderança do ranking, com 13,55% dos votos - percentual que lhe garantiu também lugar no Top Masters deste ano. As outras duas vencedoras foram a Itaim e a Lumini, esta última pela oitava vez consecutiva entre as três mais votadas. Não se lembraram de nenhuma marca ou votaram em branco 800 participantes.

LOUÇAS E METAIS

Deca, Docol e Roca

Líder absoluta, a Deca recebeu 65,76% dos votos (2.305), sagrando-se também a primeira colocada do Top Masters 2015. Ao seu lado, apresentaram crescimento a Docol e a Roca, mantendo o grupo das três mais lembradas da categoria em edições passadas. Como novidade, a Delta aparece na pesquisa entre as seis mais citadas, substituindo a Toto, presente no ranking anterior. Ainda é baixo o número de participantes que não lembraram nenhuma marca ou votaram em branco: 9,24%.

MOBILIÁRIO DE ESCRITÓRIO

Alberflex, Bortolini e Marelli

Com a desclassificação da Giroflex, a Bortolini ganhou espaço no ranking das três mais lembradas. Juntaram-se a ela as tradicionais ganhadoras, Marelli e Alberflex - esta foi líder em mobiliário de escritório, com 17,71% dos votos, garantindo sua participação inédita no Top Masters 2015. Em todo o Top Marcas, a categoria teve o menor percentual de eleitores que declararam não lembrar marcas ou votaram em branco: 8,95% (eram 16,46% em 2013).

PISOS

Duratex, Eliane e Portobello

Nesta edição a categoria apresentou forte presença do mercado cerâmico, diferente de 2013, em que as ganhadoras eram predominantemente empresas de pisos laminados. A ausência de carpetes no ranking também é digna de nota. Desta vez, figuram entre as mais votadas a Duratex (novamente), a Eliane e a Portobello - destaque no Top Masters 2015. Em queda, o percentual de eleitores que afirmaram não se lembrar de nenhum nome ou votaram em branco passou de 26,89% para 18,43% nos últimos dois anos.

REVESTIMENTOS CERÂMICOS

Cerâmica Atlas, Eliane e Portobello

Consolidada no mercado e tradicional vencedora, a Portobello lidera as mais lembradas da categoria revestimentos cerâmicos, com expressivos 33,43%. Conquistou, assim, o segundo lugar no ranking geral, o Top Masters. Ao seu lado, Cerâmicas Atlas e Eliane estão entre as classificadas, com a soma de 19,72% dos votos (693). A Cecrisa/Portinari perdeu espaço, mas aparece entre as seis mais lembradas, e a Jatobá já não consta entre as marcas mais citadas, dando lugar à Incepa.

REVESTIMENTOS DE FACHADAS

Gail, Hunter Douglas e Projetoal

A Hunter Douglas e a Projetoal se encontram consolidadas entre as três mais lembradas pelos leitores na categoria revestimentos de fachadas. A Reynobond, com frágil atuação na mídia, já não consta entre as mais lembradas, abrindo espaço para a entrada de Gail - possivelmente devido à atuação desta no mercado de fachadas ventiladas. O índice de participantes que declararam não lembrar marcas ou votaram em branco caiu quase quatro pontos percentuais nos últimos dois anos.

REVESTIMENTOS TERMOACÚSTICOS

Isover, Kemper e Owa Sonex

Na nova categoria revestimentos termoacústicos ainda é expressiva a ausência de marcas consolidadas na lembrança dos eleitores, representando 43,65% dos votos (1.530). Com grande vantagem em relação às concorrentes, as três classificadas, Isover, Kemper e OWA/Sonex, somam 25,43% dos votos, contra apenas 6,35% das outras três marcas mais citadas na categoria. A Kemper aparece como novidade na premiação.

SISTEMAS DE ESQUADRIAS

Alcoa, Belmetal e Schüco

A categoria sistemas de esquadrias (antes denominada apenas esquadrias) se mostra consolidada, pois - ao contrário da última edição - foram classificadas três empresas sistemistas: Alcoa, Belmetal e Schüco. A Sasazaki, empresa de esquadrias padronizadas, ficou de fora pela primeira vez. Figuram ainda entre as seis marcas mais lembradas a Claris Tigre, a Tecnofeal e a Udinese. Não lembraram ou votaram em branco 1.305 participantes, quase 5% a mais em relação à edição de 2013.

VIDROS

Blindex Pilkington, Cebrace e Saint Gobain Glass

As duas mais votadas na categoria foram destaque do Top Masters 2015: a Blindex/Pilkington, com 17,43% dos votos, e a Cebrace, com 15,77% - marca que mais cresceu na pesquisa e se consolidou entre as três vencedoras este ano. A Saint Gobain Glass completa o quadro da categoria, enquanto a Guardian, habitualmente presente entre as três mais votadas, neste ano ficou apenas entre as seis mais. Empresas de beneficiamento, como Divinal e Glassec, também demonstraram a força de marca.

Texto de | Publicada originalmente em Projeto Design na Edição 419
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora