Em Portugal, Penna e Baeza tornam-se amigos de infância

Os arquitetos Gustavo Penna e Alberto Campo Baeza participaram de palestra promovida pela Academia de Escolas de Arquitetura e Urbanismo de Língua Portuguesa, em Lisboa


Foto: divulgação

Até a quarta-feira, 11 de outubro, os arquitetos Gustavo Penna, do Brasil, e Alberto Campo Baeza, da Espanha, nunca haviam se encontrado. Na manhã do sábado seguinte, porém, um entusiasmado Penna contava que acabara de ganhar o “meu mais novo amigo de infância”.

A brincadeira de Penna tinha dois motivos: o sucesso da palestra que ele e Baeza haviam protagonizado na Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa e a mensagem que recebera de Baeza no dia seguinte ao evento: “Querido Gustavo: Muchísimas gracias por todos los detalles de delicadeza y cariño que tuviste ayer conmigo. Eres un gran arquitecto y una gran persona. Nunca olvidaré esta jornada en Lisboa. Un fuerte y cariñoso abrazo, Alberto”.

A palestra de Penna teve como tema Arquitetura e Pluralidade e ele discorreu sobre os seus mais de 40 anos de profissão no encontro promovido pela Academia de Escolas de Arquitetura e Urbanismo de Língua Portuguesa (Aeaulp). Alberto Campo Baeza, que é professor na Universidade de Madrid, desenvolveu o tema Projetar e Investigar. Em seguida, eles participaram de um debate mediado pelo português João Nunes.

A Aeaulp tem como atual diretora Conceição Trigueiros, da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, que viabilizou o encontro. Dessa forma, Conceição tornou-se uma espécie de madrinha da fraternal relação consolidada entre o brasileiro e o espanhol.

Publicada originalmente em ARCOweb em 20 de Outubro de 2017
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora