Intervenção no Cassino da Urca relembra seus dias gloriosos

O artista Heleno Bernardi aplicará cerca de uma tonelada de purpurina dourada no teatro do edifício situado no Rio de Janeiro, em alusão à sua riqueza

Cassino da Urca (Foto: Heleno Bernardi)

A exposição “Cassino”, do artista Heleno Bernardi, será apresentada a partir do dia 25 de novembro pelo Istituto Europeo di Design do Rio de Janeiro (IED Rio), TAL Projects e pela Brisa Art no teatro do Cassino da Urca, onde será aplicada cerca de uma tonelada de purpurina dourada, cobrindo as paredes, o palco e o fosso da orquestra.

Em seus trabalhos, o artista visual costuma abordar o enfrentamento do corpo com a cidade por meio de pinturas, instalações, fotografias, entre outros. Apesar de estar em local fechado, Bernardi pensou esse trabalho como uma intervenção urbana: “A história deste edifício extrapola suas fronteiras e espelha nossa relação com a própria cidade”, afirma. 

O curador Renato Rezende considera a iniciativa como uma chance de o público conhecer as ruínas do local, por meio de uma intervenção de alto impacto visual. A purpurina é usada como elemento que remete à riqueza dos tempos dos jogos, seus dias gloriosos, ao brilhos dos artistas, além de criticar a perda da memória, dos bens culturais e arquitetônicos.

Os quase mil quilos de purpurina utilizados no projeto serão reaproveitados. Ao fim da instalação, serão retirados das paredes e pisos e triturados com os resíduos sólidos da obra - essa junção será aplicada à massa do concreto da reforma que o IED promoverá, a partir de 2018, no Cassino da Urca.

Em 2006, o Istituto Europeo di Design assinou um acordo com a prefeitura do Rio para recuperar o prédio, que receberá o IED Lab – Centro Latino-Americano de Inovação em Design. Seu lendário palco abrigará um moderno auditório multiúso.

O edifício foi originalmente construído para ser o Hotel Balneário da Urca, inaugurado em 1922, por ocasião da Exposição Universal daquele ano, comemorativa do centenário da independência do Brasil.

Em 1933, o empresário Joaquim Rolla inaugurou no local o Cassino da Urca. Considerado o mais sofisticado do país, recebeu personalidades, como Walt Disney, Orson Welles, Carmem Miranda, entre outros. De 1951 a 1980, abrigou a TV Tupi.

Exposição Cassino
Local
 Istituto Europeo di Design (IED) - Teatro do Cassino da Urca
Endereço Av. João Luiz Alves, 14, Urca, Rio de Janeiro (RJ)
Abertura 25 de novembro de 2017 (sábado); 18h às 21h
Visitação pública 26 de novembro a 20 de dezembro de 2017
Horário Terça-feira a domingo, das 14h às 20h
Informações (21) 3683-3786
Entrada gratuita

Publicada originalmente em ARCOweb em 14 de Novembro de 2017
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora